Hospital sustentável: utopia ou realidade?

Hospital sustentável: utopia ou realidade?

Hospital sustentável: utopia ou realidade?

Hoje, a sustentabilidade é tema amplamente debatido na gestão de empresas e indústrias. Isso se deve ao fato de que quase todos os setores produtivos poluem o meio ambiente e devem rever suas políticas ambientais. Por exemplo: o setor da saúde afeta negativamente o meio ambiente por meio do descarte incorreto de medicamentos. Logo, a seguinte dúvida é amplamente colocada em pauta: é possível ter um hospital sustentável no Brasil? Descubra a resposta neste artigo da Ética Ambiental, a seguir.

É possível criar um hospital sustentável?

criando hospital sustentável

Hoje, o conceito de hospital sustentável é sim uma realidade! Isso é possível graças às ações isoladas na área que visam não causar danos ao meio ambiente ou à população. O projeto se inicia na concepção do edifício enquanto local sustentável e deve se estender até o cotidiano das atividades hospitalares.

O maior desafio é fazer as intervenções necessárias no ambiente hospitalar sem interferir no seu funcionamento. É um pouco complicado fechar o local para adaptá-lo aos moldes sustentáveis, porém não é impossível. O mais indicado é contar com uma boa equipe de arquitetos, paisagistas, decoradores, engenheiros e luminotécnicos. Com profissionais ágeis e competentes, é possível criar um hospital sustentável sem interromper suas atividades.

Estratégias de sustentabilidade hospitalar

Projeto arquitetônico

Um hospital sustentável deve ser planejado para ser uma construção com foco em sustentabilidade social, ambiental e econômica. Logo, deve-se reduzir os impactos gerados pelas obras e, consequentemente, diminuir custos operacionais. O espaço deve ser construído para utilizar menos energia, água e recursos. Além disso, deve usar apenas produtos com baixa emissão de poluição e pequeno impacto ambiental no seu canteiro de obras.

Alimentação orgânica

Uma das preocupações do ambiente hospitalar é fornecer alimentos produzidos de maneira orgânica e sustentável aos colaboradores e pacientes. Por isso, em um hospital sustentável, deve ser criada uma área de compostagem dos alimentos que seriam descartados. Desse modo, é possível criar adubo para o solo e evitar desperdícios de mantimentos.

Descarte de resíduos

hospital sustentável e resíduos sólidos

É extremamente importante promover o descarte correto dos materiais hospitalares, como medicamentos e exames radiológicos. Para isso, deve-se implantar a coleta seletiva e separar lixo orgânico, insumos químicos e remédios. Tal prática evita contaminações com mercúrio, chumbo, cobre, metal, amônia, prata e bromo. Uma dica ótima para o hospital sustentável diminuir a emissão de componentes químicos na natureza é adotar o sistema de digitalização para exames de imagem.

Fatores climatológicos

A redução do uso de ar-condicionado minimiza impactos climáticos, como a intensidade de calor dentro do ambiente. Uma alternativa é usar as condições naturais, ou seja, a orientação dos ventos e do sol para gerar circunstâncias favoráveis. Paisagismo e instalação de um espelho de água diminuem a temperatura de um espaço entre 3ºC a 5ºC. Ventilação natural, telhado verde e quebra-sol são outras formas de economia da utilização do equipamento.

Uso do papel

As rotinas hospitalares exigem o uso de grande quantidade de papel. E uma boa gestão de hospital sustentável deve pensar em estratégias para economizar o uso do material. Substituir a utilização do papel por prontuários eletrônicos é uma grande ideia. Softwares de gestão de atendimento e armazenamento de informações também devem ser adotados.

Conscientização e cultura

Mais importante que criar um hospital sustentável, é envolver os colaboradores e visitantes na nova política ambiental. Para isso, há as campanhas de conscientização e divulgação das práticas sustentáveis por meio de cartazes, cursos e visitas técnicas. É necessário firmar o compromisso com o meio ambiente e integrá-lo em todos os setores do hospital. Inclusive, a informação deve ser disseminada entre os pacientes e seus acompanhantes.

Benefícios

benefícios do hospital sustentável

Um hospital sustentável apresenta diversos benefícios, como:

  • melhor eficiência e qualidade;
  • redução do consumo de energia, papel, água e climatização;
  • promove o bem-estar dos pacientes;
  • evita o desperdício de alimentos;
  • redução, reutilização e reciclagem de materiais;
  • produção de energia limpa e renovável;
  • uso de combustíveis alternativos no transporte hospitalar.

Se você deseja implantar boas práticas no seu hospital sustentável, conte com a Ética Ambiental! Somos uma empresa de consultoria ambiental no RJ que ajuda organizações dos mais variados setores na busca pelo desenvolvimento sustentável. Oferecemos serviços ambientais, como consultoria, gestão, estudos, projetos e saneamento. Possuímos a solução certa para sua empresa diminuir a produção de impactos ambientais! Quer saber como? Entre em contato conosco e entenda melhor.

Agência Digital no RJ Ética Ambiental © Todos os direitos reservados.